Guest Posts – Facilite o Trabalho com o Plugin Content Submit

No artigo de ontem ao falar sobre os conceitos chave do WordPress acabei falando um pouco também sobre a própria evolução do WordPress e o foco em realmente deixar o usuário postar seus textos sem se preocupar com mais nada. Principalmente por causa da ampla gama de plugins disponíveis que facilitam o trabalho.

A criação de um blog deve ser divertido, fácil de usar e deve ser uma experiência envolvente para o leitor e o autor do blog, que deve ser igualmente verdadeiro com os visitantes desde o lançamento. Se você já fez um blog antes, você sabe que muitas vezes convidados blogueiros colaboram e trocam comentários de blogs uns dos outros.

Um assunto usual também na blogosfera é o guest posting (se você não sabe o que é guest post veja neste artigo) e o fato de muitos blogueiros usarem este meio para poder inclusive divulgar seus próprios posts, fez com que surgisse o plugin Content Submit.

guest post, plugin

Você pode estar se perguntando, por que eu preciso deste plug-in? A resposta é simples. Ele permite aos usuários gerar conteúdo para você, além do conteúdo que você tem, sendo que quanto mais tráfego você pode potencialmente obter, mais você pode ter tempo. Se você permitir que as pessoas produzam guest post em seu blog, então isso seria uma ótima ferramenta para ajudá-lo a simplificar o processo de postagem e gasto de tempo, sendo capaz de rentabilizar o conteúdo que foi contribuído por visitantes ou outros blogueiros. Isso significa basicamente que pode aumentar sua receita sem ter trabalho de postar.

Aqui está uma uma imagem do plugin Submit Content:

Como você pode ver, o plugin Content Submit foi construído com a idéia de tempo eficiência quando se trata de lançamento de Guest Posts e até mesmo oferece aos donos de blog alguns controles bacanas sobre como eles gostariam que os convidados postassem em seu blog.

Com o Plugin Submit Content, você tem as opções:

  1. Charge for Content Submission
  2. Cobrar para envio de conteúdo (integrado com PayPal). Basta digite seu endereço de e-mail do paypal e quanto você quer cobrar por post.

  3. Verify text on Copyscape
  4. Basta digitar seu nome de usuário do CMS e a chave da API. Quando alguém envia um post em seu blog o plugin irá verificar se o conteúdo é indexado em algum lugar (conteúdo repetido).

  5. Show Captcha
  6. Para evitar os abusos no sistema ou uso de robôs.

  7. Default post status
  8. Pode ser escolhido como pendente ou publicada. Eu recomendo pendente, a menos que você realmente queira que todo e qualquer conteúdo publicado entre diretamente no blog sem sua interferência.

  9. Minimum/Maximum number of words
  10. Escolha o número mínimo e número máximo de palavras permitidas por categorias de post.

  11. How many Links allowed
  12. Quantidade máxima permitida de links.

  13. Exclude Categories
  14. Se você não deseja que algumas categorias fiquem disponíveis para postagem escolha aqui.

  15. Imagens
  16. Você pode definir seu próprios “Submit” imagem e botão de pagamento PayPal.

Você pode baixar gratuitamente o Plugin aqui

Em conclusão, este plugin é uma ótima maneira de atrair novos visitantes e guests posts, sem ter o inconveniente de ter que receber os posts por e-mail e ter que perder tempo para editá-los.

E o melhor de tudo, o plugin é fácil de usar, conveniente e gratuito.

Rate this post

Quer aprender a ganhar dinheiro com Google Adsense em blogs?

Leonardo Rodrigues

Apaixonado por internet e curioso por SEO sempre está envolvido em algum projeto web. Você me encontra também no blog Negocio Seo e vê meus Projetos e Redes Sociais no AboutMe

Website: http://querocriarumblog.com.br

3 Comentários

  1. este plug funciona com Blogspot se não você conhece algum

  2. jairo

    Ola, simpatizei com esse plugin.. No meu novo projeto seria o ideal.. Porém instalei no meu servidor local aqui no pc, onde tenho um blog pra testes, ativei certo e tudo mais, mas ainda não entendi como coloca-lo em uso no site, teria que ter algum menu para as pessoas entrarem e postarem certo?? Pois tal menu não vejo no site.. como aplica-lo no site??

Deixe uma resposta